Etiqueta: Tática

Por que os social-democratas devem declarar uma guerra firme e implacável aos socialistas-revolucionários?

Por Vladímir Ilitch Lênin, via marxists.org, traduzido por Angelo Ardonde Escrito entre junho e julho de 1902. Publicado pela primeira vez em 1923 na revista “Prozhekior”, nº 14. 1) Porque essa corrente em nosso pensamento social que atende pelo nome de “socialista-revolucionária”, na verdade, está se afastando, e certamente se afastou, da única teoria internacional

Leia mais »

Gramsci, herdeiro de Lenin: o problema da relação entre teoria e paixão

Por Eduardo Granja Coutinho* E o incêndio revolucionário se propaga, incendeia novos corações e cérebros, transformando-os em tochas ardentes de nova luz, de novas chamas. [antonio gramsci]  Sabe-se que a Revolução Russa marcou profundamente a prática e a teoria  revolucionária nos anos que se seguiram à Primeira Guerra Mundial. Ao  mesmo tempo em que galvanizou a paixão insurgente das

Leia mais »

A luta ideológica no movimento operário

Por Vladímir Ilitch Uliánov, via marxists.org, traduzido pro Pedro Furtado A profunda mudança ideológica que ocorrera dentro da oposição, ou setores progressistas do povo, é uma característica extremamente importante e distintiva da Rússia pós-revolucionária. Esquecer essa particularidade prejudica a compreensão da revolução russa e de seu caráter, assim como das tarefas da classe operária em

Leia mais »

Possibilismo e oportunismo, por Rosa Luxemburgo

Por Rosa Luxemburgo, via LavraPalavra, traduzido por Gabriel Landi Fazzio. Publicado no nº 227 da Sächsische Arbeiterzeitung (“Gazeta operária da Saxônia”), em 30 de setembro de 1898. Parte do livro A outra Rosa. Como se sabe, o camarada Heine escreveu uma brochura para o congresso do partido intitulada Votar ou não votar?, [1] na qual

Leia mais »

O Lula místico

Por H. Suricatto Na foto, outdoor do comitê “Lula 2022” em Porto Alegre/RS – foto de H. Suricatto. I Antônio Gramsci afirmou que a crise é fruto das contradições do passado não totalmente superado com o futuro que não vingou por completo. A arena de encontro do passado com o futuro se chama presente, e

Leia mais »

O que é oportunismo? (Notas linguísticas)

Por Gabriel Landi Fazzio “Mas Monitor representa apenas uma das variedades do oportunismo: aberta, grosseira, cínica. As outras atuam dissimuladamente, sutilmente, ‘honestamente’. Engels disse uma vez: os oportunistas ‘honestos’ são os mais perigosos para a classe operária…” (Lênin, em O oportunismo e a falência da II Internacional, citando Engels, Para a crítica do projeto de

Leia mais »

Sobre a agitação – um clássico da social-democracia russa

Por Arkadi Kremer e Julius Martov, via People’s War, traduzido por Camila Araujo Escrito em 1893 e traduzido do russo para o inglês por Richard Taylor. I Nosso artigo pretende esclarecer várias questões relacionadas à prática dos sociais democratas russos: a resolução correta para essas questões é, na nossa opinião, uma pré-condição necessária se a

Leia mais »